fbpx

Estudo de viabilidade de inovação: o que fazer antes do lançamento de um produto?

Começar um novo negócio é algo que possui um alto risco, já que para isso é necessário, muitas vezes, um investimento elevado. Por isso, ter cautela é algo extremamente importante nesse momento. Antes do lançamento de um produto, é essencial conhecer com exatidão o que você vai enfrentar pela frente. 

Segundo o Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas), de cada 4 empresas abertas, 1 fecha antes de completar 2 anos de existência no mercado. Os motivos desse fato estão ligados à gestão, à falta de planejamento e, principalmente, à dificuldade de conseguir os resultados esperados. O problema disso é que criar expectativas errôneas torna, ao primeiro sinal de insucesso, a desistência muito provável . Assim, a ausência de uma análise prévia de viabilidade do negócio é um investimento indispensável.

Visto isso, é essencial que você estude a viabilidade de produto. Para te ajudar, separamos 4 aspectos importantes de serem iniciados antes do lançamento do seu produto. Caso você não queira enfrentar problemas maiores no futuro é importante que você tenha esses pontos em mente.

1. Pesquisar o mercado para o lançamento do produto

Nesse contexto, a primeira coisa a se fazer é pesquisar produtos similares no mercado. É importante saber quem são os seus concorrentes e o que eles estão fazendo. Entender os pontos fortes e fracos deles e onde você pode se diferenciar são informações decisivas.

lupa

Essa pesquisa facilitará muito o seu trabalho. Isso porque, provavelmente, muitos dos problemas que você terá, alguém já teve e os resolveu. Assim, você gastará menos tempo com eles e poderá se ocupar com outros assuntos. Além disso, você terá clareza do que está funcionando no mercado, quais as melhores embalagens, ingredientes, e muito mais.

2. Estudo da composição do produto

Para esse aspecto, conhecer o que foi abordado no item anterior é algo muito importante. Aqui, a intenção é entender qual é a composição e os ingredientes necessários para a produção. É possível, por exemplo, que algum ingrediente possua um valor muito alto, ou que outro não seja vendido no Brasil. Essas são informações que precisam ser conhecidas antes de iniciar o negócio. E elas impactarão muitas decisões daqui para frente.

dinheiro_aumentandoEsse passo é extremamente relevante para definir o preço de venda do produto no lançamento. Isso porque alguns aditivos essenciais, por exemplo, podem ser caros, alterando diretamente o valor para o consumidor final.

3. Estudo do processo produtivo

Nesse momento, o foco deve ser de entender qual deve ser toda a rota industrial, desde a chegada da matéria prima, até a saída do produto final. Buscando sempre entender quais são os melhores métodos e equipamentos para o processo em questão. 

Para essa definição, existem alguns fatores muito importantes para a escolha dos equipamentos. Eles são, a vazão, a temperatura de alcance, a dimensão, a granulometria, a potência, entre outros. Aqui, também é interessante que seja realizado um orçamento desse maquinário, aumentando a precisão da expectativa de investimento.

Essa etapa é importante para definir o investimento inicial necessário para o lançamento do produto. Apesar disso, a longo prazo, o processo produtivo não é algo que interfere muito no valor do produto. Isso porque o investimento nele não está diretamente atrelado ao número de produtos fabricados.

análise_produção

Aqui, na Mult, essa é uma etapa que gastamos muito tempo estudando todas essas coisas que a envolvem. Isso, justamente por entendermos a relevância de fornecer todas as informações necessárias para que o nosso cliente tenha segurança ao fazer um investimento.


Esta, normalmente, é uma etapa em que se gasta muito tempo, já que é estudado todos os parâmetros envolvidos. Na Mult, buscamos fornecer todas as informações necessárias para que o nosso cliente tenha segurança ao fazer um investimento. 

4. Estudo das faixas de preço para o lançamento do produto

Esse último passo deve levar em consideração tudo o que foi estudado até o momento. Os componentes e o processo produtivo afetam diretamente as faixas de preço do produto. Aqui, é importante levar em consideração o preço que produtos similares têm no mercado. E, caso o valor de venda deles seja variável, é interessante que se tenha em mente o diferencial de cada um deles.

Por fim, seja cauteloso e não pule etapas. Certa vez, Benjamin Franklin disse: “A falha na preparação é a preparação para a falha”. Assim, gaste tempo estudando cada aspecto abordado acima com detalhes e, com certeza, você tomará as decisões certas.

De certo, essas são coisas que você pode pesquisar por si mesmo, mas nós podemos te ajudar nesse sentido. Recentemente, um cliente nos procurou com o intuito de produzir um pó que seria utilizado para soldagens. Inicialmente ele não possuía muito conhecimento sobre como se daria o processo produtivo nem os componentes desse produto. Assim, com o auxílio de alguns professores da UFMG (Universidade Federal de Minas Gerais), estudamos todos esses aspectos para ele. Com isso, demos a base necessária para que ele tomasse uma decisão. Hoje, com as informações que demos ele espera investir no produto nos próximos meses.

Quer abrir um negócio com a garantia de sucesso? Entre em contato conosco para um diagnóstico gratuito!

Classifique este post!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *