fbpx

Descubra as 4 melhores técnicas de conservação para seus produtos artesanais

ovo de pascoa artesanal

Como melhorar a qualidade, ou até aumentar a produção, sem que seus alimentos deixem de ser artesanais? Inicialmente, é importante dizer que aprimorar a durabilidade dos alimentos não é sinônimo de adicionar conservantes sintéticos. 

 Há opções mais moderadas disponíveis, como alterar a embalagem, diminuir a quantidade de água da receita e usar conservantes naturais. 

Você está passando por uma situação parecida e quer saber como resolvê-la? Veja esse texto, em que explicamos cada uma dessas técnicas de conservação para produtos artesanais. Se pretende melhorar a durabilidade dos seus produtos, entre em contato conosco!

O que são alimentos artesanais? 

Antes de entender como aumentar a vida útil de um produto artesanal, é interessante compreender o que o torna artesanal. Assim, você pode adotar mudanças que não o tornam industrializado

Trata-se de um produto feito com ingredientes naturais, como o famoso bolo de fubá da sua avó! Eles são feitos “do zero”, sem misturas prontas e componentes químicos, o que leva ao menor tempo de prateleira ou validade em comparação a outros que o mercado oferece


Então isso significa que não há como aumentar sua durabilidade, pois não seria mais artesanal? A resposta é não! Por isso, listamos técnicas utilizáveis na sua produção sem você por em risco o rótulo “artesanal”.

Antes de entender como aumentar a vida útil de um produto artesanal, é interessante compreender o que o torna artesanal. Assim, você pode adotar mudanças que não o tornam industrializado

Trata-se de um produto feito com ingredientes naturais, como o famoso bolo de fubá da sua avó! Eles são feitos “do zero”, sem misturas prontas e componentes químicos, o que leva ao menor tempo de prateleira ou validade em comparação a outros que o mercado oferece


Então isso significa que não há como aumentar sua durabilidade, pois não seria mais artesanal? A resposta é não! Por isso, listamos técnicas utilizáveis na sua produção sem você por em risco o rótulo “artesanal”.

1: Escolher a embalagem mais adequada para conservação

embalagemUm ponto de atenção é que o material da embalagem pode interagir com os alimentos. Nesse caso, é importante utilizar um tipo que não prejudique sua qualidade. Esses prejuízos causados ao produto podem ser no aspecto da cor, do sabor, do odor e da conservação dele.

Dito isso, é importante analisar como a embalagem de um sabonete artesanal, por exemplo, faz o produto mofar e não ser seguro aos consumidores. Assim, um passo é escolher uma embalagem que conserve as características do produto artesanal e que o mantenha bom para consumo por mais tempo. Em conjunto, o empreendedor também pode considerar um material que proteja o produto de danos mecânicos. 

Há vários produtores que aumentam a vida útil dos seus alimentos, cosméticos, entre outros. E fazem isso sem ter de adicionar conservantes sintéticos! Um exemplo disso é a Cookie Project. Em suma, a prioridade da empreendedora era manter seus cookies crocantes por fora e macios por dentro sem adicionar químicos. Para isso, um ajuste seria mudar a embalagem interna do produto.

2: Diminuir a atividade de água nos produtos artesanais

Água não ligada aos ingredientes é o que define essa atividade, desconsiderando a água ligado ao açúcar, por exemplo. Isso representa a disponibilidade da água para multiplicação microbiana, responsável por diminuir a durabilidade dos alimentos.

gotas de água - conservação artesanaisPara reduzir essa água disponível, você pode adicionar sais, açúcares e umectantes à composição. A vantagem disso é não haver restrições de quantidade desses componentes na receita. 

Nesse caso, o limite da adição desses itens relaciona-se a sua influência no sabor, odor e cor do produto. Dessa maneira, a vida útil de seu produto artesanal aumenta sem que ele deixe de ser artesanal, mantendo-se suas características.

3: Usar conservantes naturais  

Os conservantes dificultam o desenvolvimento de bactérias, vírus e fungos, que causam doenças. Um exemplo é o de bactérias que ocasionam o botulismo e conservantes são usados para combater a sua transmissão em alimentos

Todavia, para manter o produto artesanal, opta-se por empregar conservantes naturais. O fabricante pode adicionar estes ingredientes sem que efeitos indesejados ocorram, como ocorre com os antioxidantes BHT e BHA. 

Dentre os conservantes naturais mais comuns, temos o sal, o alecrim, o limão, entre outros. Cada um desempenha uma função: o sal, por exemplo, reduz a atividade de água, e o alecrim é um antioxidante.

É importante ressaltar que o conservante natural adequado para seu produto artesanal (desde cosméticos a alimentos), depende dos demais componentes. Isso significa que um estudo é essencial para identificar o que funcionará conforme as peculiaridades do  seu produto.

4: Atentar-se às Boas Práticas de Fabricação

A forma de manipulação dos ingredientes durante a produção está ligada à qualidade do produto final e à segurança do consumidor. Não ter hábitos rigorosos de higienização de mãos, de utensílios e de maquinários pode ocasionar sérios problemas. Caso contrário, além de colocar  seus clientes e a reputação da sua empresa em risco, isso facilita a contaminação dos produtos. Consequentemente, eles estragam antes do esperado.

manual fabricação - conservação artesanaisAdemais, você pode ser autuado pela Fiscalização Sanitária se não seguir as instruções do Manual de Boas Práticas de Fabricação. Este documento é obrigatório para a maioria das indústrias e estabelecimentos alimentícios e cosméticos. Não possuí-lo ou não respeitá-lo acarreta em multas, apreensão de insumos da produção e até o fechamento da empresa. Sendo assim, adquirir esse documento é mais uma forma de propiciar maior duração de seus produtos artesanais.

Agora, você já sabe que escolher uma embalagem adequada é uma das técnicas para melhorar a conservação de seus produtos artesanais. “Mas como saber como isso funcionará para meu produto?” Empresas de consultoria especializadas respondem isso frequentemente! São empresas que realizam projetos adaptados para a necessidade de cada cliente e seus produtos. Confiar essa etapa a estudiosos da área é uma maneira de experienciar o crescimento progressivo de seu negócio.  

Contate um de nossos consultores especializados a partir do chat, telefone ou e-mail para um diagnóstico 100% gratuito e decida o futuro promissor da sua empresa.

Eduarda Venturelli

Classifique este post!

3 comentários em “Descubra as 4 melhores técnicas de conservação para seus produtos artesanais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *